Partilhar

Como cuidar de um cachorro abandonado

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como cuidar de um cachorro abandonado

Decidir adotar ou ocupar-se momentaneamente de um cachorro abandonado até que encontre um novo lar, é uma ação extremamente nobre que pode mudar de forma radical a vida do animal. No entanto, nunca se deve esquecer que um cão abandonado é um animal assustado, com uma saúde delicada e que provavelmente sofreu abusos no passado; por isso é importante seguir algumas recomendações que ajudarão você a aproximar-se do animal e dar a ele os cuidados adequados sem correr riscos. Em umComo.com.br explicamos a você como cuidar de um cachorro abandonado.

Também lhe pode interessar: O que fazer se encontrar um cão abandonado
Passos a seguir:
1

Se encontrar um cachorro abandonado na rua, a primeira coisa que deve ter é muita precaução, pois não sabe se o animal é agressivo, se está doente ou se, por medo, pode agredir você. Lembre-se que um cão que passou muito tempo na rua e que se encontra com fome e assustado pode reagir de qualquer forma.

Se o animal se aproxima de você e consegue persuadi-lo facilmente para levá-lo, não terá nenhum problema, mas se o cão é assustado, não se aproxima ou parece muito doente, o melhor é chamar de imediato a sociedade protetora de animais ou um veterinário para conseguir pegar o cachorro.

2

O primeiro passo ao encontrar um cachorro abandonado é levá-lo ao veterinário para se assegurar de que não tem um microchip e que pertence a alguém. Se o animal tem dono, terá que entrar em contato e definir a situação.

Caso o cão esteja realmente em situação de abandono, deverá ser revisado em profundidade por um veterinário com o objetivo de verificar a sua saúde. Deve saber que é bem possível que tenha de suportar despesas como as da vacinação, desparasitação e tratamento caso o animal tenha alguma doença.

3

Nunca leve diretamente para casa um cachorro abandonado sem antes passar pelo veterinário. Não sabe que condições pode ter o animal, e se em casa você tiver outros animais ou crianças, poderia arriscar a sua saúde. Normalmente um cão que se encontra na rua só poderá ir para casa quando o veterinário indicar que está saudável; somente nesse momento poderá introduzir o animal em seu novo lar.

4

Quando o cachorro chegar a casa é importante não o pressionar com muitas carícias e atenções. Ainda que seja verdade que um pet abandonado requer cuidados e afeto, deverá esperar que seja o cão quem se aproxime de você e reconheça você como seu amigo. O animal irá se aproximando pouco a pouco, lamberá você e procurará sua companhia, nesse momento poderá aumentar o afeto.

Enquanto isto acontece, pode se aproximar e o acariciar, mas durante alguns minutos e nunca forçando o cão.

5

O fundamental para cuidar de um cachorro abandonado é ter muita paciência. Este tipo de cães requer os mesmos cuidados que qualquer outro, mas além disso, são animais que não receberam nenhum adestramento mais cedo e que estão acostumados a ficar na rua, por isso deverá ajudá-los para que se acostumem aos poucos às coisas tão simples como comer ração, fazer suas necessidades em horas determinadas ou dar passeios na rua.

Se antes nunca teve um cachorro, certamente terá muitas dúvidas, por isso esclarecemos a você alguns pontos básicos em nossos artigos:

6

É muito importante que, pleo menos durante as primeiras semanas, sempre saia para passear com seu cão com coleira. Lembre-se que um animal que esteve abandonado é muito assustado e que se o passear sem coleira pode acabar fugindo e se extraviando novamente. Precisará de olhos extras para se assegurar que o cão não escapa, por isso tenha precaução neste aspecto.

7

No processo de educar um cão abandonado é importante que se lembre de recompensá-lo quando faz algo certo com algum croquete ou bolacha para cães, pois os animais resgatados costumam se dedicar bastante a satisfazer os seus donos como uma forma de agradecimento, por isso em geral são atentos, leais e dispostos à obediência.

Se quer discipliná-lo, deve entender que deve sempre repreender o cão no momento em que o descobrir fazendo algo inadequado, nunca depois, já que o animal não poderá associar por que está sendo repreendido.

8

Deixe passar algumas semanas para que o cão se adapte ao seu novo meio o que, como é normal, levará algum tempo. Atitudes como morder os móveis, fazer suas necessidades em qualquer lugar ou ter um comportamento assustado são normais; no entanto, com constância e paciência poderá educar o animal e fazer com que se acostume à rotina.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como cuidar de um cachorro abandonado, recomendamos que entre na nossa categoria de Animais de estimação.

Escrever comentário sobre Como cuidar de um cachorro abandonado

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
Fernando
Peguei uma cadela atropelada com pata quebrada, levei ao veterinario, esta engessada e isolada. Ate ai tudo bem, mas ela nao voltara para a rua, vai ficar comigo. Já me adotou. O problema é que tenho outros 6 cães, 4 machos e 2 femeas que com certeza vão criar problemas. Como faço para promover esse convivio social posteriormente. Eles vivem num ambiente de 1.200m2 e pretendo solta-la com eles depois.
Grato
Editor umComo.com.br
Oi Fernando! O ideal seria que você apresentasse gradualmente cada um dos cachorros da matilha. Peça ajuda a algum amigo ou familiar para este processo. De preferência, o encontro de dois cachorros pela primeira vez deve ser num espaço que não seja território de nenhum deles, ou seja, fora de casa. Quando a cadela estiver recuperada e você quiser soltar ela junto dos outros cachorros, peça ajuda a um amigo e vá passear com a cadela num jardim ou parque próximo de casa e o seu amigo leve um dos cachorros que queira apresentar. Deixe que os cachorros se cheirem e se conheçam aí. Posteriormente repita o processo com cada um dos cachorros. Deste modo, antes de introduzir a cachorrinha no espaço, todos eles já vão conhece-la e existirão muito menos probabilidades de agressividade por defesa de território. Com o tempo eles restabelecerão a hierarquia entre eles e tudo irá correr bem. De qualquer forma, esteja sempre atento aos pequenos sinais que os cachorros dão, veja este nosso artigo sobre a linguagem dos cachorros: https://animais.umcomo.com.br/artigo/como-entender-a-linguagem-corporal-do-meu-cachorro-4716.html

Como cuidar de um cachorro abandonado
Como cuidar de um cachorro abandonado

Voltar ao topo da página