Como tratar a sarna de cachorros com remédios caseiros

Como tratar a sarna de cachorros com remédios caseiros

A sarna é uma doença de pele que atinge cachorros, provocando muita coceira, ferimentos e inflamações. Ainda que seja comum, a sarna pode ser um tanto trabalhosa de tratar, também por ser contagiosa, e não vai embora sozinha. Então, se o seu cachorro tiver o diagnóstico de sarna e você gostaria de conhecer alguns remédios naturais para complementar o tratamento médico e acelerar o processo de cura, continue lendo este artigo do umCOMO e descubra como tratar a sarna em cachorros com remédios caseiros e dicas para fortalecer o tratamento.

O que é a sarna canina?

A sarna é uma doença causada por ácaros que entram na pele de animais como cães a gatos. De forma geral, a sarna costuma atingir pontos específicos da pele do animal, como as orelhas ou barriga, e acabam se espalhando e piorando com o tempo caso não haja cuidado devido.

Sintomas de sarna em cachorro

Os sintomas da doença consistem em:

  • Coceira;
  • Vermelhidão;
  • Queda de pelos (peladeira);
  • Inquietação;
  • Feridas na pele.

Alguns outros contágios, como o por pulgas, podem causar sintomas semelhantes no seu cão, ainda que sejam menos graves. Caso você repare que há uma mudança de comportamento e que o cão está se coçando bastante, dê uma observada um pouco mais atenta na pele e veja se encontra algum dos sinais acima, leve-o até o veterinário para que a situação seja averiguada.

Há uma grande preocupação em relação ao contágio por seres humanos pelo ácaro da sarna canina. Entretanto, não há grandes motivos para preocupação, pois a sarna que contagia animais é diferente da que contagia humanos, visto que o parasita de um não sobrevive no hospedeiro do outro. Ainda que o ácaro não sobreviva por muito tempo nem consiga se reproduzir nessas condições, ainda pode atacar seres humanos em uma sarna bastante moderada que passa sem cuidados medicinais.

Remédios caseiros para sarna em cachorro

Existem uma série de ervas e plantas medicinais muito benéficas para o tratamento da sarna em cachorros. Também existem outras tantas altamente tóxicas para eles, consulte nosso artigo sobre quais são as plantas tóxicas para os cachorros e vigie para que ele não as coma e para não usar nenhuma delas. As mais eficientes para combater a sarna são o Neem, Cymbopogon e o Niaoli por suas propriedades antissépticas, regenerativas da pele e antibacterianas. Uma forma de aplicá-las é misturá-las de forma individual, com óleo de amêndoas ou de oliva e aplicar algumas gotas do preparado na zona afetada. Veja abaixo algumas opções de remédio caseiros para sarna em cachorro.

Azeite de oliva

Os óleos vegetais podem ajudar a eliminar os ácaros que provocam a sarna. Lembre-se de que o abacate é um dos alimentos tóxicos para cachorros, de maneira que descarte esta opção, o mais recomendável é utilizar óleo de oliva. Aplique algumas gotas de óleo nas zonas afetadas para debilitar os ninhos dos ácaros. Desta forma, também, hidrataremos a pele ressecada pela infecção.

Camomila para sarna de cachorro

A camomila, por sua vez, também pode ser usada como desinfetante das áreas infeccionadas pela sarna. A infusão de camomila pode ser usada para limpar as feridas com uma gaze e ajuda aliviar o incômodo. Recomenda-se aplicá-la três vezes por semana com delicadeza.

Aloe vera

O gel da babosa, ou aloe vera, também pode ajudar no alívio dos sintomas e inflamação da sarna de cachorro. Apesar de ser uma planta considerada medicinal para o cachorro, o ideal é que um veterinário esteja consciente e aprove o uso dela.

Vinagre branco para sarna de cachorro

O vinagre branco é um ótimo remédio para tratar sarna em ouvido de cachorros, já que seu teor ácido ajuda a matar os ácaros causadores da doença nessa região rugosa que facilita o esconderijo do bicho. Para aplicar o vinagre branco nos ouvidos de seu cão, basta molhar um cotonete com o líquido e passar vagarosamente de forma delicada nas sobras internas da orelhas.

Já deu para ver que não são muitos os remédios caseiros para tratar a sarna em cachorro e a melhor forma de tratá-la é seguir as indicações do veterinário para que ele indique o remédio para sarna de cachorro mais adequado. Você pode já ter lido sobre curar sarna de cachorro com óleo queimado ou remédio caseiro para sarna em cachorro com enxofre, mas a verdade é que só um veterinário pode indicar o procedimento adequado para cada caso, podendo ser em forma de comprimido sarnicida ou outras maneiras.

Sarna em cães: tratamento com sabonete

Um dos tratamentos mais comuns para combater a sarna é dar banho no cachorro doente com um sabonete para sarna de cachorro especial que o veterinário costuma receitar. Os sabonetes que os experts aconselham são aqueles com pH neutro, propriedades antissépticas e antibacterianas, sem aromatizantes nem componentes tóxicos para eles ou os sabonetes de enxofre para sarna de cachorro, dependendo do caso. Por conseguinte, se acabou de usar o sabonete que o veterinário mandou, um bom remédio caseiro é usar um sabonete com características similares para o banho, como o sabonete neutro.

Como dar banho em cachorro com sarna

  1. Não utilize escova para o banho, molhe simplesmente o cachorro com água morna e esfregue o sabonete suavemente pelas zonas mais afetadas.
  2. Quando estiver totalmente ensaboado, deixe o sabonete agir por alguns minutos.
  3. Você deverá dar banho ao seu cachorro uma vez por semana até que esteja completamente curado (ou com outra regularidade que o veterinário indique).
  4. Use uma toalha limpa para secá-lo com muito cuidado. É recomendável que use luvas de látex para dar-lhe banho.

Como tratar sarna em cachorro

Além de preocupar-se com os remédios caseiros para sarna, é importante tomar alguns outros cuidados em relação a como tratar sarna em cachorro. Veja as dicas do umCOMO:

  • Não deixe de ir atrás de tratamento médico: se você quer saber como acabar com sarna de cachorro, saiba que não adianta fazer apenas os tratamentos caseiros citados aqui. É fundamental que, ainda que os utilize para acelerar o processo de cura, dê ao seu animal o devido tratamento especializado. Os remédios para sarna são produzidos especialmente para eliminar esse tipo de ácaro, enquanto os tratamentos caseiros têm majoritariamente a função de aliviar sintomas.
  • Alimente bem o seu cachorro: a alimentação correta é básica para manter o sistema imunitário do seu cachorro em perfeitas condições e lutar contra a sarna. Um cachorro com baixa defesa demorará mais tempo para se curar. Proporcione a ração adequada para ele e nas quantidades necessárias ao dia ou comida caseira preparada para o cachorro;
  • Dê banhos frequentes: banhos são necessários para se livrar de restos mortos dos ácaros também para eliminar bactérias que podem contaminar as feridas na pele de seu cão. Além disso, é muito importante manter todos os objetos do cachorro sempre limpos para eliminar os ácaros restantes;
  • Dê bastante água: a sarna ataca muito a pele dos animais e a água é de extrema importância para manter a pele hidratada e evitar ressecamentos que podem piorar os ferimentos.
  • Isole seu cão de outros: por ser uma doença contagiosa, é importe manter o cachorro contaminado longe dos demais, caso os tenha, para evitar novos contágios e aumentar ainda mais o problema. Caso não tenha como separá-los, dê também aos outros animais o medicamento indicado para sarna para tratar da doença logo de início nos demais.
  • Dê carinho: Isolar o bichinho doente não significa que você deva esquecê-lo. Amor e atenção podem fazer maravilhas pelo seu animal, já que um cachorro feliz pode se recuperar muito mais facilmente que um cachorro triste.

Veja mais em: Como prevenir a sarna canina

Tipos de sarna de cachorro

Como já dissemos, a sarna nos cães é uma doença de pele que se produz por causa de um ácaro que vive e que se reproduz na pele do nosso animal. Existem tipos diferentes de sarna que têm origens e tratamentos diferentes, sendo estes os mais comuns em cachorros:

  • Sana sarcóptica: É o tipo de sarna mais comum e é contraída através do contato de outro cachorro que está infectado. O ácaro envolvido neste problema é o Sarcoptes scabiei. Ao contrário do demodex canis, este ácaro não faz parte da pele do cachorro. Esta sarna pode passar aos humanos, por isso, no umCOMO te mostramos como tratar a sarna em pessoas.
  • Sarna demodécica: Também conhecida por sarna negra ou demodicose. O ácaro mais comum desta doença é o Demodex canis. Os animais mais predispostos a desenvolver esta doença têm menos de 18 meses (porque o sistema imunitário ainda não está completamente desenvolvido). Existem dois tipos: localizada (zonas de alopécia pequenas e avermelhadas com pele espessa e escura) e generalizada (lesões semelhantes mas espalhadas por todo o corpo).
  • Sarna otodédica: É uma sarna que afeta de forma exclusiva a região das orelhas tanto dos cães como dos gatos (sendo mais comum nos gatos). O ácaro mais comumente envolvido nesta doença é o Otodectes cynotis. A forma de contágio é através do contato com outro animal que padeça da doença.

O portal Perito Animal explica com detalhes cada tipo de sarna canina, não deixe de visitar o artigo sarna em cães - sintomas e tratamento.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como tratar a sarna de cachorros com remédios caseiros, recomendamos que entre na nossa categoria de Animais de estimação.

Conselhos
  • Os remédios caseiros para sarna de cachorro nunca substituem uma consulta ao veterinário.