Partilhar

Como tratar o coronavírus canino

Por Redação umCOMO. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como tratar o coronavírus canino

O coronavírus canino é um tipo do coronavírus que afeta os cachorros; trata-se de uma doença contagiosa muito comum em espaços que convivem ou interagem muitos cachorros, especialmente aqueles com poucas condições sanitárias. Este vírus ataca o intestino de nosso mascote produzindo diarreias e outros sintomas, porém, na maior parte dos casos não é uma condição perigosa para o animal. Em umComo.com.br explicamos como tratar o coronavírus canino.

Também lhe pode interessar: Quais são os sintomas do coronavírus canino
Passos a seguir:
1

O coronavírus canino é um vírus que afeta as paredes do intestino de nosso mascote, produzindo diarreias, vômitos, mal-estar geral e às vezes febre e anorexia. Trata-se de uma enterite e se o animal se encontra em bom estado de saúde geral, desparasitado e com suas revisões veterinárias em dia, não representará nenhum perigo.

2

Este vírus costuma afetar severamente animais com uma saúde debilitada, fracos ou muito doentes. É comum em cachorros abandonados, os quais sofrem maior risco de complicações com o coronavírus canino.

3

O coronavírus canino conta com sintomas similares aos do parvovírus, outro tipo de enterite bem mais comum, de evolução mais rápida e mais perigosa para o animal. Por isso, se você suspeita que seu cachorro tem alguma condição intestinal o melhor é levá-lo de imediato ao veterinário.

Como são vírus parecidos, é possível que o veterinário descarte primeiro a presença de parvovírus, e uma vez confirmado o diagnóstico, aplique o tratamento para o coronavírus.

4

Como o coronavírus canino produz diarreias de moderadas a fortes, primeiro hidrate o animal e ajude-o a repor o líquido, parte fundamental do tratamento desta condição. Podem ser aplicadas soluções hidratantes intravenosas ou por via oral, dependendo do estado do animal. O veterinário dará todas as indicações necessárias para que seu animal se recupere o quanto antes.

5

Como se trata de um vírus, esta condição também pode requerer a administração de antibióticos e antivirais conforme indicações médicas, e sempre seguindo as instruções do especialista. Se o animal sofre de diarreias muito severas, é comum receitar medicação para deter esta condição, além de protetores da mucosa intestinal que ajudarão o cachorro a recuperar com maior rapidez.

6

É importante seguir todas as indicações do veterinário e administrar o tratamento completo ao seu mascote para tratar o coronavírus canino de forma eficiente.

Também é recomendável manter a higiene nas áreas em que se encontra seu animal, bem como treinar o cachorro desde pequeno para evitar a coprofagia já que a forma comum de contágio é mediante a ingestão de fezes de outros cachorros.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como tratar o coronavírus canino, recomendamos que entre na nossa categoria de Animais de estimação.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Como tratar o coronavírus canino
Como tratar o coronavírus canino

Voltar ao topo da página