Partilhar

Como tratar a hepatozoonose canina

 
Por Redação umCOMO. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como tratar a hepatozoonose canina

A hepatozoonose canina é uma das doenças que podem ser transmitidas pelos carrapatos. É produzida por um parasita do gênero Hepatozoon (em concreto o Hepatozoon canis) e pelo carrapato comum, o que indica que é uma doença de uma ampla distribuição geográfica. É um problema cada vez mais frequente e cuja patogenia é bastante complexa, pois para que se manifeste é preciso contar com a presença de outra infecção ou estados de imunossupressão. Em umComo.com.br vamos explicar para você como tratar a hepatozoonose canina.

Também lhe pode interessar: Como tratar a síndrome vestibular canina
Passos a seguir:
1

Antes de saber como tratar esta doença, é conveniente que saiba como ela afeta seu animal. O carrapato adquire o parasita quando se alimenta de um cão infectado e nele evolui. O cão é infectado ao ingerir o inseto, não pela picada, e isso ocorre quando seu animal morde a própria pele para retirar o carrapato.

Dentro do intestino do cão libera-se a infecção que viaja pelo sangue a zonas como os gânglios linfáticos, a medula óssea, o fígado, os músculos, o baço,... Esta doença ocorre em cães de qualquer tipo, não tem influência nem a idade, nem o sexo, nem a raça, mas em casos mais graves pode aparecer em filhotes devido à fragilidade do seu sistema imunológico.

Como tratar a hepatozoonose canina - Passo 1
2

Quando aparece este tipo de infecção parasitária podem aparecer sintomas como a diarreia hemorrágica, devido à liberação do parasita e a sua penetração na parede do intestino para atingir os vasos sanguíneos. Também pode aparecer hipertermia, febre, problemas de apetite, apatia e dificuldade para se mover devido à dor muscular.

Como o organismo começa a produzir muitos anticorpos que não são capazes de eliminar o parasita, pode originar quadros de glomerulonefrite ou vasculite, entre outros transtornos. Além disso, esta doença pode aparecer junto com outras que se transmitem pela picada de carrapato.

Como tratar a hepatozoonose canina - Passo 2
3

Se seu cão apresentar qualquer um dos sintomas mencionados acima, vá de imediato ao veterinário, principalmente se detectar a presença de carrapatos. O veterinário realizará uma revisão geral antes de avaliar o tratamento, também fará exames complementares, por exemplo, de sangue, extensões para visualizar o inseto, etc. e descartará a presença de outras doenças recorrentes.

Tudo isso para chegar ao diagnóstico da doença e assim começar a tratar a hepatozoonose do seu cão. O procedimento servirá para tentar terminar com o parasita e, acima de tudo, para combater todos os sintomas da doença.

Como tratar a hepatozoonose canina - Passo 3
4

Para tratar a hepatozoonose canina o veterinário receitará anti-inflamatórios para aliviar a dor muscular e para a febre diminuir. Se tiver problemas de apetite e tiver perdido peso, pode ser que tome algum antianêmico e, em casos mais graves, que se realizem transfusões de sangue. Cada caso é diferente e terá que ser avaliado pelo veterinário.

Mas há algo que nunca deve esquecer: para que a hepatozoonose ou qualquer outra infecção por parasitas não cause estragos no seu animal, o melhor é sempre a prevenção. Deve usar os produtos antiparasitários que seu veterinário aconselhar, assim os carrapatos não causarão problemas de saúde em seu cão. Em umComo vamos dar-lhe uma série de conselhos para que saiba como prevenir as pulgas e carrapatos.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como tratar a hepatozoonose canina, recomendamos que entre na nossa categoria de Animais de estimação.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Como tratar a hepatozoonose canina
1 de 4
Como tratar a hepatozoonose canina

Voltar ao topo da página