Partilhar

Como cuidar de um filhote de pardal

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como cuidar de um filhote de pardal

O filhote de pardal é uma ave pequena originária da Eurásia e do Norte de África. Distribuído atualmente por todo mundo, este passarinho de cor marrom com tons negros e avermelhados não mede mais de 16 cm de comprimento e pode ser criado facilmente seguindo alguns passos simples. Se imagina ou tem dúvidas sobre como cuidar de um filhote de pardal, continue lendo este artigo de umComo, em que fornecemos todas as informações.

Também lhe pode interessar: Como cuidar de um filhote de papagaio
Passos a seguir:
1

É importante garantir que o filhote de pardal esteja em boas condições de saúde.

Se ele foi encontrado no solo, temos de verificar se não está perto de seu ninho. Os pardais protegem seus filhotes e acompanham-nos durante seu crescimento. Da mesma forma, se verificar que está fora de seu ninho e o filhote de pardal ainda não desenvolveu as penas, ele pode ter caído por causa de uma rajada de vento. Nestes casos, aconselha-se sempre devolver o filhote de pardal ao seu ninho. Se não podermos voltar a introduzi-lo, podemos levá-lo para cuidar dele.

2

Para poder cuidar de um filhote de pardal, vamos precisar de um ninho ou uma caixa onde seja o refúgio. Outra opção é utilizar uma gaiola a qual aconselhamos manter sempre aberta. O filhote de pardal a associará a um lugar seguro e a terá como seu lar. Se a mantiver sempre com comida e bebida, o filhote de pardal voará por toda a casa e voltará à sua gaiola para estar seguro e quente.

3

Para que esteja confortável, prepare uma cama/ninho no local. Esta pode ser de algodão, tecido suave, alguma meia velha, ou penas, assegurando que não haja nenhum inseto entre o material. Devemos tentar que o filhote esteja quente já que precisa de muito calor. Esta cama deve ser mantida limpa todos os dias.

4

A gaiola deve estar em um lugar ventilado, onde chegue a luz indireta do sol, não é recomendável que o filhote de pardal esteja exposto à luz solar direta por muito tempo. No entanto, também não é aconselhável evitar o sol por completo, pois o filhote de pardal precisa da luz solar para colorir suas asas.

5

Se recolhemos o filhote de pardal da rua devemos pensar que possivelmente esteja desidratado depois de passar várias horas fora do ninho. Em seu ambiente natural, seus pais lhe dariam pequenas gotas de água diretamente no seu bico. Em nosso caso, é aconselhável dar-lhe um pouco de água da nossa boca. Quando notar a frescura da mesma, o filhote de pardal a beberá. Se não tiver coragem, pode utilizar uma seringa pequena, sem agulha, ou um conta-gotas para que a beba pouco a pouco.

É importante não dar leite aos filhotes de pardal, já que não o toleram e poderiam morrer por isso. A contribuição de cálcio recebem-na de sua alimentação (insetos triturados, osso de siba, casca de ovo esterilizada).

6

A alimentação dos filhotes de pardal realiza-se nas primeiras semanas através de uma seringa sem agulha. Aproxime a mesma do bico e o filhote irá comendo da papinha que lhe damos. Comem com uma frequência de 2 a 3 horas. Se detectarmos que eles têm a barriga vazia, também podemos dar-lhes de comer.

Sua comida pode ser feita de forma fácil. Preparamos uma papinha e introduzimos na seringa. A papinha deve ser dada sem o líquido para que o filhote de pardal a coma sozinho, sem a introduzir na boca.

7

Para começar podemos fazer estas três papinhas, é muito simples:

  • Podemos molhar meia bolacha Maria com água, até que a bolacha fique uma papinha.
  • Podemos amolecer ração de cachorro moída molhada com água até criar uma massa. Esta papinha é muito completa.
  • Podemos comprar massa de filhote, vendida em viveiros. Elas são feitas à base de ovos e são molhadas com água para criar a papinha.
8

Quando os alimentarmos temos de estar atentos para não os manchar com a papinha ou massa, já que esta pode secar e acabar sendo um problema ao colar em suas penas. Por outro lado, devemos observar também que os orifícios nasais do bico não fiquem obstruídos, já que poderia desencadear em um problema maior.

9

À medida que cresce, o filhote irá alimentando-se sozinho e poderemos utilizar um recipiente para que coma diretamente.

10

Se quer que o filhote esteja nas melhores condições, o ideal será proporcionar-lhe algumas bandejas. Uma com água e outra com areia fina. Deste modo o filhote tomará banho de areia e água para se vermifugar.

11

Lembre-se que perante qualquer dúvida, é aconselhável que vá a um especialista ou veterinário para que ajude você.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como cuidar de um filhote de pardal, recomendamos que entre na nossa categoria de Animais de estimação.

Conselhos
  • Enquanto são pequenos, a temperatura deve ser revisada de vez em quando (entre 40º e 43º é uma temperatura correta).
  • Mantenha-o limpo e quente.

Escrever comentário sobre Como cuidar de um filhote de pardal

O que lhe pareceu o artigo?
47 comentários
Manuella O.
Ele não come sementes nem nada ...bebeu gotinhas de água mas ja faz um tempo e seu papo está diminuindo...papinha de fubá de milho faz mal para ele ao invés de ração de cachorro?O pus em uma gaiola já que está chovendo e seus pais não aparecem
Editor umComo.com.br
Oi Manuella! Recomendamos que você leve o filhote em um veterinário de confiança, sem exame físico não podemos recomendar tratamento. Rápidas melhoras!
Manuella O.
Achei um filhote de pardal mas não consegui achar seus pais ou ninho,por voar baixo o pus em uma caixinha mas tenta toda hora fugir ainda com medo.....até ele saber voar é melhor colocá-lo em uma gaiolinha ?e o que ele já pode comer?
A sua avaliação:
julia
muito bom me ajudou muito obg
Editor umComo.com.br
Oi Julia, que bom que as dicas te ajudaram! Continue acompanhando os artigos do umCOMO :)
Thiago
Também queria saber, se é bom dar formigas pequenas ao filhote, já que não acho que só ração de cachorro e bolacha são o suficiente, então eu misturo formigas trituradas à papinha. Isso é bom ou ruim?
Editor umComo.com.br
Oi Thiago! Você tem alguma loja de animais ou agropecuária perto onde possa comprar uma papa para pássaros insectívoros? Essa seria a opção mais completa para alimentar o pardal filhote.
Thiago
Certo.
A sua avaliação:
Thiago
Olá, eu peguei um pardal filhote ainda sem pena alguma, ele estava piando muito alto quando o encontrei. O ninho desse filhote fica no telhado mais baixo da minha casa, então eu tentei colocá-lo de volta, mas minha mão não cabia no orifício, então peguei ele pra cuidar. Já cuidei dele por 3 dias e meio e estou querendo devolvê-lo a natureza quando o mesmo estiver pronto, porém, a mãe do filhote não o reconhece mais como seu filho e estou com medo dele se apegar a mim e não conseguir sobreviver quando for solto. Dito isto, o que eu posso fazer?
leticia
tambem queria saber se quando o filhote come, é normal torcer o pescoço
Editor umComo.com.br
Oi Leticia! É normal eles moverem o pescoço para ajudar na deglutição. O ideal seria encontrar um centro de recuperação onde pudesse entregar os pardais.
leticia
achei dois filhotes,um mais velho q o outro, no chao da minha casa, estou cuidando deles,mas nao sei o que fazer á noite
Luiza
A papinha de ração de cachorro é realmente boa? posso intercalar dando uma vez a ração e outra a bolacha? Obrigada pelas dicas!
Editor umComo.com.br
Oi Luiza! O ideal será comprar uma papa para aves insectívoras. Se você tiver uma petshop perto de sua casa pergunte se vendem ou conseguem arranjar.
Camilla
Estou alimentando um filhote de pardal com essa ração, “Papa para filhote de Psitacídeos” da Alcon, pode? Segundo a descrição do produto, serve para aves ornamentais, espécies de psitacídeos e aves doentes ou convalescentes. Ele já desenvolveu bastante penas nas asas e estão abrindo agora. Não sei bem quantos dias ele tem, então gostaria de saber tb quando posso arrumar para ele se alimentar sozinho. Gratidão.
Nídia do Carmo (Editor/a de umCOMO)
Oi Camilla! Os pardais são insectívoros, ao contrário dos psitacídeos. Assim, essa papa não é suficiente para o que ele necessita, você deve procurar uma papa especial para pássaros insectívoros.
A sua avaliação:
João Pedro
Meu passarinho (ainda filhote) fica querendo comer a cada meia e meia hora ou em dez em dez minutos e se acordalo ele começa a piar querendo comer
Editor umComo.com.br
Oi João Pedro! Pode estar acontecendo que ele não está comendo tudo o que precisa. O que você está dando para ele?

Como cuidar de um filhote de pardal
Como cuidar de um filhote de pardal

Voltar ao topo da página