Partilhar

Como cuidar de um cachorro com a pata quebrada

Por Redação umCOMO. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como cuidar de um cachorro com a pata quebrada

Se o seu cão quebrou uma pata é importante que vá o quanto antes ao veterinário para que examine a gravidade da fratura e imobilize a zona. No entanto, os seus cuidados também terão muito a ver com a rápida recuperação do animal, por isso neste artigo de umComo damos a você uma série de conselhos que mostrarão como cuidar de um cachorro com a pata quebrada e que ajudarão o seu melhor amigo a se recuperar o quanto antes. Desde aspectos como os passeios diários até conselhos a respeito da sua higiene, é importante que saiba como cuidar de um animal com esta ferida para que sofra o menos possível.

Também lhe pode interessar: Por que meu cachorro morde as patas
Passos a seguir:
1

Poderá detectar se o seu cão quebrou a pata porque verá que caminha mancando, que está mais tempo deitado e que se queixa quando pisa de uma forma específica. Dependendo da gravidade da situação, os sintomas serão mais ou menos evidentes, mas é essencial que assim que detecte que o seu animal não caminha com normalidade, vá a um veterinário para que o examine e ajude você a descobrir o que está acontecendo.

Se você tem conhecimentos de primeiros socorros, poderá imobilizar a pata quebrada do cão com uma bandagem ou um pedaço de tecido para, assim, evitar que quebre em mais pedaços. Mas se não sabe como fazer, recomendamos a você que não toque na pata e que o leve imediatamente ao veterinário, pois poderia ser pior o remédio que a doença.

Como cuidar de um cachorro com a pata quebrada - Passo 1
2

Tenha em conta que se o osso que quebrou é dos planos, a fratura costuma se colar sozinha com o tempo (costumam estender-se de 2 semanas a 3 meses). No entanto, se falamos de um rompimento em ossos longos como o fêmur, por exemplo, eles rasgarão o tecido e a sua cura será mais longa e complicada. De fato, é bastante habitual que se requeira o uso de uma tala ou, inclusive, que seja necessária uma intervenção cirúrgica. O veterinário é a pessoa capacitada para indicar a você que tratamento o cachorro deverá seguir para se recuperar rapidamente.

3

Após ser tratado pelo veterinário, o seu cão voltará com você para casa e chega o momento de redobrar os cuidados que você vai proporcionar para que se sinta bem e com menos dores. Um dos primeiros aspectos que deve ter em conta são os seus passeios diários. O cachorro precisará sair à rua para fazer as suas necessidades e para não estar o dia todo fechado em casa (poderia cair em uma depressão), por isso terá que levá-lo para passear, mas tendo em conta aspectos como os seguintes:

  • Levá-lo por zonas fáceis de caminhar: opte por parques públicos antes de levá-lo a uma montanha pois o terreno é plano e com menos possibilidades de sofrer um acidente.
  • Não o leve à praia: a areia dificulta a caminhada do animal fazendo com que se possa danificar ainda mais a sua fratura.
  • Leve-o para passear por pouco tempo e várias vezes ao dia: é melhor que, no princípio, o seu cão saia por pouco tempo à rua, mas várias vezes para que assim se exercite, mas não force a pata.
  • Lugares com poucos cães: se o leva a parques nos quais há muitos cães, o mais habitual é que fique tão contente que comece a brincar com eles ainda que lhe doa a pata. Evite e opte por zonas mais tranquilas.
Como cuidar de um cachorro com a pata quebrada - Passo 3
4

O mais habitual é que se o seu cachorro está com a pata quebrada, o veterinário tenha posto uma tala ou tenha coberto a fratura com um gesso mas, caso não tenha, tem que evitar ao máximo que o cachorro tente curar as feridas se lambendo. Por quê? Porque sua boca está cheia de bactérias e agora tem uma ferida aberta na pele, através da qual podem entrar infecções e doenças que colocarão em perigo o seu estado de saúde.

Para evitar que o cão lamba as feridas pode optar pelo cone de plástico que impede que o animal chegue à zona onde tem a fratura. Também há outros produtos que são parecidos a uns suspensórios que mantêm o pescoço do animal esticado e evitam que lamba as feridas. Fale com o veterinário para que indique a você a melhor solução.

Em umComo contamos a você porque os cachorros lambem.

Como cuidar de um cachorro com a pata quebrada - Passo 4
5

Outro aspecto importante a ter em conta na hora de cuidar de um cão com a pata quebrada é que a bandagem com a qual vai cobrir a fratura esteja sempre limpa e em boas condições. Tenha em conta que, cada vez que saem do passeio, o animal pisará em zonas úmidas ou se sujará com grama ou terra. Isto pode provocar que as bactérias entrem pela tala e que a ferida não acabe de se curar totalmente bem.

Uma boa forma de evitar isto é cobrir a venda com uma sacola de plástico cada vez que saiam à rua, assim, o animal estará protegido de possíveis elementos infecciosos e, além disso, poderá brincar quanto quiser sem ter que ficar sofrendo por sua saúde. Caso se molhe, o melhor é ir ao veterinário para que troque a tala, pois a pele lhe poderia chegar a se irritar e infectar.

6

Para evitar que o animal ganhe excesso de peso neste período, é aconselhável que opte por reduzir a sua quantidade de comida e evitar dar-lhe alimentos gordurosos. A atividade física do animal ficará muito reduzida e, portanto, não precisará de tanta energia para estar ativo e saudável. Antes de fazer qualquer mudança nutricional é essencial consultar o médico, pois indicará a você as rações mais indicadas para a nova condição do cachorro, bem como o tipo de ração ideal.

Para habituar o animal a porções menores, o melhor é reduzir a quantidade e dar diferentes doses durante o dia. Assim se sentirá saciado e não passará fome entre as refeições. Também é recomendável que tenha à mão um recipiente com água fresca e limpa para que esteja corretamente hidratado.

Como cuidar de um cachorro com a pata quebrada - Passo 6

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como cuidar de um cachorro com a pata quebrada, recomendamos que entre na nossa categoria de Animais de estimação.

Escrever comentário sobre Como cuidar de um cachorro com a pata quebrada

O que lhe pareceu o artigo?
6 comentários
Eliana
como faço pra melhora a pata do meu cachorro ele tem 1ano carro passou em cima da pata dele ele ta mancando
Editor umComo.com.br
Oi Eliana! Você pode seguir as orientações do artigo, mas o seu cachorrinho necessita ajuda veterinária. Busque as ONG's da sua zona e pergunte se eles podem ajudar com os custos.
Jessica Bueno
Oi Boa noite me chamo Jessica Tenho Duas cachorras a qual eu recolhi na rua e adotei pra mim porem elas por terem vivido anos no ambiente de rua elas fogem muito e sao ariscas entao creio que algum carro ou alguem tenha machucado a pata delas e sou de família muito humilde nao tenho condicao de pagar um veterinário preciso saber o que faço para ajudalas por favor se puderem me da uma atenção!!!
Editor umComo.com.br
Oi Jéssica! Como indicado noa artigo, não tem como substituir a ida ao veterinário em caso de patinhas quebradas. Pro favor, procure uma ONG perto da sua residência que possa ajudar com os custos do tratamento.
Wilisa
Dia 20/05 a cachorra que recolhi da rua pariu 9 filhotes, eu ajudei na assepsia e corte do umbigo e descarte das placentas. Domingo passado(7dias) depois, notei que um dos filhotes só chorava. Com cuidado peguei e notei que a perna esquerda estava esquisita. Na 2ª começou a inchar bem na articulação. Notei que ele não ia mamar com os irmãos, ajudei o dia todo. Na 3ª apareceu um hematoma enorme. Na 4ª acho que por atrito nos panos, fez um buraco e purgou até hoje 5ª. Não tem veterinário na cidade, me socorri com o farmacêutico. Consegui achar terra-cotril aerosol que passo na ferida e estou dando dipirona, 2 gotas por dia. Ele está comendo a papinha da ração e leite da mãe. Brinca e faz as necessidades. Pode me ajudar? Não conheço veterinários aqui por perto. E na cidade não temos nem zootecnistas, que dirá veterinários.
Editor umComo.com.br
Oi Wilisa! Seu cachorrinho necessita ser visto por um veterinário com urgência, não temos como ajudar sem examinar o animal. Você pode passar sua morada e te ajudamos a buscar um veterinário perto? Não podemos recomendar um tratamento sem um diagnóstico veterinário, já que podemos piorar a situação.
Wilisa
Moro em Cavalcante, Goias. A cidade é muito pequena. Não tem veterinário, já verifiquei ate na vigilância sanitária.
Quando tem algum animal com Calazar, a prefeitura paga um veterinário para fazer eutanásia.
Nídia do Carmo (Editor/a de umCOMO)
Oi Wilisa, encontramos uma clínica veterinária a 2/3 horas da sua cidade: https://goo.gl/maps/FSf2QRSp21R2

Infelizmente, não podemos ajudar mais pois só um exame permite fazer um diagnóstico correto. Se você não se pode deslocar, recomendamos que entre em contato com a clínica pedindo uma visita a domicílio. Desejamos muita sorte para vocês e rápidas melhoras!
carol
ola estou sentindo que meu caozinho esta mancando demais saio para passear na cakcada com ele so que ele sente dor e pede pra voltar pra descansar.o que serua
jaqueline auxiliadora desouza
muito bom saber disso
A sua avaliação:
gessemelo de paula
meu cachorro fraturou a pata dianteira direita em dois lugares como cuidar sem cirurgia meu cachorro e coker nao tenho condicoes financeiras para a cirurgia

Como cuidar de um cachorro com a pata quebrada
1 de 5
Como cuidar de um cachorro com a pata quebrada

Voltar ao topo da página