Partilhar

Como saber se meu cachorro tem a doença de Lyme

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como saber se meu cachorro tem a doença de Lyme

A doença de Lyme, também conhecida como borreliose canina, é uma condição que aqueles carrapatos do tipo Ixodes infectados pela bactéria Borrelia burgdorferi transmitem, tratando-se de uma das condições mais comuns transmitidas por este parasita ao redor do mundo. Se for tratada a tempo, esta condição não representa um grave perigo para o pet, no entanto, se não se receber a atenção oportuna, a infecção pode afetar as articulações, os rins, o coração ou o sistema nervoso, complicando de forma importante a saúde do seu animal.

Neste artigo de umComo.com.br vamos explicar para você como saber se seu cachorro tem a doença de Lyme, os sintomas, o tratamento e o prognóstico desta condição.

Também lhe pode interessar: Como saber se meu cachorro tem carrapatos

O que é a doença de Lyme e como se contagia?

A doença de Lyme é uma condição que afeta tanto cães como humanos, transmite-se pela picada dos carrapatos de patas negras infectados com a bactéria Borrelia burgdorferi. O parasita contrai esta bactéria quando pica animais como os cervos ou os ratos que a portam, por isso trata-se de uma doença que costuma ocorrer naqueles cães que andam pelo campo ou por ambientes naturais.

Pode afetar cães de qualquer idade e condição e, o mais importante é detectar a tempo os seus sintomas para tratar rapidamente o pet. Em uma fase inicial esta doença pode ser curada com antibióticos, no entanto, se esta evoluir e afetar zonas como as articulações, os rins ou o coração, o quadro irá se complicar contando com um prognóstico pouco favorável.

Sintomas da doença de Lyme

Numa fase inicial, a doença de Lyme não apresenta sintomas e os principais sinais que nos podem indicar que algo não está bem com o cão podem demorar semanas a aparecer. Se detectar que seu cão tem carrapatos o mais recomendável é revisar com frequência a zona na qual foi picado. Perante o aparecimento de uma mancha vermelha na área da picada que vai aumentando de tamanho, é hora de levar o animal ao veterinário, assim, não conta ainda com sintomas, pois este sinal poderia indicar a presença de borreliose canina.

Depois das primeiras semanas de incubação, os sintomas da doença de Lyme que o seu cão pode manifestar são:

  • Mancar em uma ou várias patas, devido à inflamação das articulações, sendo este o sintoma mais comum da doença. Pode durar alguns dias e desaparecer para depois voltar ou apresentar-se de forma recorrente sem desaparecer. Se o seu cão não sofreu uma pancada ou queda, este é o motivo de uma visita imediata ao veterinário para descartar esta condição.
  • Inflamação nas articulações, ao tocá-las notará que estão quentes e o cão nota-se dolorido e incômodo.
  • O cão está apático e deprimido.
  • Febre resultado da infecção.
  • O animal caminha com as costas arqueadas.
  • Inflamação dos gânglios linfáticos na zona próxima à picada.
  • Problemas para respirar.

Se a doença não for tratada a tempo, pode derivar em problemas renais que levem inclusive a uma insuficiência nos rins. Neste caso, o cão apresentará, além disso, vômitos, diarreia, aumento da sede e da quantidade de urina, falta de apetite e retenção de líquido no abdômen ou nas patas.

Como saber se meu cachorro tem a doença de Lyme - Sintomas da doença de Lyme

Como se diagnostica esta condição?

Se suspeita que seu cão tem a doença de Lyme é fundamental ir o quanto antes ao veterinário. Deverá informar o profissional a respeito de detalhes importantes como a zona na qual o pet foi picado, há quanto tempo começaram a surgir os primeiros sintomas, bem como qualquer sinal que permita ao profissional determinar até que ponto a infecção avançou.

Os exames de sangue, de urina, bem como a extração de líquido das articulações ou as radiografias irão permitir determinar a presença da bactéria Borrelia burgdorferi e diagnosticar, assim, esta condição.

Como saber se meu cachorro tem a doença de Lyme - Como se diagnostica esta condição?

Tratamento da doença de Lyme

Por se tratar de uma infecção bacteriana, o tratamento para a doença de Lyme em cães começa pela administração de antibióticos, adicionalmente, o veterinário também poderá recomendar a ingestão de medicamentos para a dor que aliviem o mal-estar do animal. A quantidade de antibióticos e a duração do tratamento dependerá da condição do cão, no entanto, no geral a medicação costuma ser administrada durante um mês para garantir a eliminação total da bactéria.

Se a infecção avançou o suficiente, é possível que o animal continue apresentando dores e desconforto articular inclusive uma vez que a bactéria tenha desaparecido, sendo uma sequela da doença. Apenas em casos mais sérios nos quais há complicações renais ou cardíacas o animal precisará de hospitalização.

Como prevenir a doença de Lyme?

A melhor forma de prevenir a doença de Lyme em cães é evitar que o nosso animal contraia carrapatos, para isso é fundamental desparasitá-lo com a frequência indicada pelo veterinário, mantendo sempre a sua saúde como uma prioridade. Os aerossóis, coleiras ou pipetas são uma boa alternativa para proteger o nosso pet contra estes parasitas.

Além disso, é importante que se decidirmos levar o nosso cão ao campo ou a áreas verdes nas quais poderia ter carrapatos, revisemos sempre seu pelo ao chegar a casa. Se encontrarmos um carrapato deveremos retirá-lo de imediato, pois isto reduzirá as chances de ficar contagiado de doenças. No nosso artigo poderá encontrar alguns remédios caseiros para eliminar os carrapatos do cachorro.

Como saber se meu cachorro tem a doença de Lyme - Como prevenir a doença de Lyme?

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como saber se meu cachorro tem a doença de Lyme, recomendamos que entre na nossa categoria de Animais de estimação.

Escrever comentário sobre Como saber se meu cachorro tem a doença de Lyme

O que lhe pareceu o artigo?
3 comentários
A sua avaliação:
Ana maria f. de souza
Meu cachorro tem esse tipo de carrapato horrível desde filhote já fiz vários tratamento melhora por alguns meses depois volta tudo de novo que faço tem cura ? Peço uma ajuda quero salvar meu animalzinho já esta com 5 ano de idade
A sua avaliação:
alexandre
boa noite . meu cachorro aparentemente ten os sintomas dessa doença esta sendo tratado com antibióticos vitaminas e tbm estou dando fígado pra ele umas das poucas comidas que ele como . ele ten uns ataques que fica parado uivando dor aparentemente com o pescoço rigido e tremendo . estou buscando ajuda onde posso, obrigado
A sua avaliação:
rodrigo
Tenho um poodle,que teve carrapato e quando eu tirei o inseto ele começou a dar os sintomas da doença de lyme.nao foi Fácil para nos,pois ele ficou hepático,e perdeu o apetite perdeu peso muito rápido e os movimentos do corpo ficou com desnutrição nossa ficou muito magro parecia que não ia mais viver.começamos o tratamento indicado pela veterinária com antibióticos e soro,ele não reagiu e fomos dando figado e feijão batido no liquidificador numa seringa deu do do bicho mas tínhamos que forçar. Foram 5 semanas de tratamento para ele reagir mas deu certo hoje ta normal ate melhor mais sapeca
Sara Viega (Editor/a de umCOMO)
Oi Rodrigo! Muito obrigada por partilhar essa história conosco! Que bom saber que seu cachorro já se encontra melhor. Muito obrigada mais uma vez e tudo de bom para vocês :)

Como saber se meu cachorro tem a doença de Lyme
1 de 4
Como saber se meu cachorro tem a doença de Lyme

Voltar ao topo da página