Partilhar
Partilhar em:

Como saber se o meu cachorro tem parvovirose

Como saber se o meu cachorro tem parvovirose

A parvovirose ou parvovírus canino é uma das doenças mais comuns nos cachorros e das que apenas temos informação. Se se desconhecerem os sintomas, estes podem levar-nos a um diagnóstico errado e confundi-la com uma infeção gastrointestinal comum. Esta doença viral pode ser muito grave em cachorros adultos e mortal em cachorrinhos, uma vez que durante os primeiros meses de vida do seu animal de estimação, o seu sistema imunológico é fraco e, por isso, são mais susceptíveis a pegar infeções. Para responder a todas as suas dúvidas sobre esta doença, neste artigo do umCOMO mostramos-lhe como saber se o seu cachorro tem parvovirose. Não descuide da saúde do seu animal de estimação e leia cuidadosamente cada uma das indicações.

Também lhe pode interessar: Como curar a parvovirose canina

O que é a parvovirose canina?

A parvovirose canina é uma doença infecciosa grave produzida por um vírus do tipo 2, chamado vírus do parvo, que afeta o sistema gastrointestinal, os glóbulos vermelhos do sangue e, nos casos mais graves ou em cachorrinhos, pode chegar a atacar o músculo cardíaco. Há alguns anos que se detetou esta doença e, por isso, há pouca informação e as probabilidades de sobrevivência são muito baixas.

80% dos cachorros estiveram em contato com este vírus porque se transmite, sobretudo, através das fezes infetadas. É bastante importante desinfetar corretamente o chão contaminado que esteve em contato com a matéria fecal infetada, visto que o vírus do parvo é altamente resistente e pode permanecer durante meses no chão e em objetos contaminados.

A maioria dos detergentes e desinfetantes não são suficientes para o eliminar, os produtos mais eficazes são o amoníaco, cloro e a água sanitária. Nunca se devem misturar estes produtos nem devemos usá-los se houver alguém ou algum animal no cômodo que estivermos desinfetando, deve deixar o cômodo livre, usar um produto e depois ventilar. Depois quando secar, deve usar outro dos produtos e ventilar de novo. Por último, deve usar o último produto e voltar a ventilar o cômodo o máximo de tempo possível antes de entrar alguém. Além disso, deve usar luvas de latex e máscara para realizar este processo de desinfeção.

Como se contagia a parvovirose

Para saber se o seu cachorro tem parvovirose canina, deve conhecer como se transmite a doença. A parvovirose canina ataca, sobretudo, cachorros com menos de 6 meses, cachorros adultos ou mais velhos e cachorros sem vacinas nem desparasitação. É imprescindível desparasitar os nossos cachorros e dar-lhes as vacinas necessárias para evitar este tipo de doenças. Outros fatores que ajudam ao desenvolvimento desta doença podem ser o estresse, parasitas intestinais ou o baixo estado de ânimo. Estas raças são especialmente vulneráveis e propensas a sofrer desta doença:

  • Pastor Alemão
  • Doberman
  • Pitbull
  • Rottweiler

A parvovirose canina é altamente contagiosa, evolui a grande velocidade e transmite-se por via oral, através do contato com fezes infetadas ou material contaminado como o chão, o recipiente da comida ou inclusive os nossos próprios sapatos, e, em cachorrinhos, através do leite materno se a mãe for portadora. Os objetos podem contaminar-se através dos nossos sapatos por terem pisado uma fez infetada, por outro cachorro contaminado ou pelo contato com excrementos de roedores.

Quais os sintomas da parvovirose canina

A parvovirose canina costuma demorar entre três a quatro dias a manifestar-se e os seus sintomas podem ser diversos em função do sistema afetado. Para saber se o seu cachorro tem parvovirose, deverá prestar especial atenção aos sintomas.

Quando a parvovirose afetar o sistema gastrointestinal os sintomas são:

  • Febre (é o primeiro sintoma);
  • Queda de humor/Depressão;
  • Dificuldade em respirar, fraqueza e suspiros excessivos;
  • Isolamento;
  • Falta de apetite/Anorexia;
  • Vômitos espumosos;
  • Diarreia com sangue e odor forte;
  • Desidratação provocada pelos vômitos e diarreia.

Quando o parvo ataca o músculo cardíaco, aos sintomas anteriores acrescenta-se a dispneia, o arqueamento do corpo e, em cachorrinhos ou em casos muito graves, miocardite. A parvovirose em forma cardíaca em cachorros costuma acabar com morte súbita pela fraqueza do sistema imunológico do animal.

Tratamento para cachorros com parvovirose

Se o seu cachorro apresenta algum dos sintomas anteriores, não hesite em levá-lo ao veterinário para que o analise e diagnostique a doença. Uma vez detetada a parvovirose, o tratamento deve se iniciar imediatamente. Devido ao seu recente descobrimento, não existem medicamentos específicos para tratar a doença. De maneira que, os veterinários costumam basear o tratamento em combater a desidratação, o desequilíbrio eletrolítico, e controlar os vômitos e diarreias para prevenir que a infeção aumente. Até que não esteja totalmente curado, o seu animal de estimação não pode estar em contato com outros cachorros.

Como prevenir a parvovirose

No caso da doença da parvovirose o melhor tratamento é a prevenção. Para evitar que o seu cachorro desenvolva a parvovirose canina é fundamental que siga rigorosamente o plano de vacinas designado pelo veterinário, o desparasite, mantenha uma correta higiene tanto do seu cachorro como do seu ambiente, lavar o recipiente da comida e manter a comida num lugar onde os roedores não a possam alcançar.

Lembre-se que antes das primeiras vacinas, o seu cachorro não pode estar em contato com outros cachorros nem sair para a rua. Através do leite materno o cachorro pode contrair a doença, que pode combater-se com as vacinas pertinentes e eliminá-la do sistema sem notar que estava doente. Assim, o vírus é descartado através das fezes e, por isso, deve evitar o contato do cachorro com a sua própria matéria fecal.

Não esqueça que este vírus não é transmissível para humanos, sendo algo diferente. Saiba mais no artigo Como tratar parvovírus B19 ou humano.

Alimentação para um cachorro com parvovirose

Além do tratamento veterinário, é fundamental ajudar a alimentação de um cachorro infetado. Desta forma, a dieta para um cachorro com parvovirose para se poder recuperar mais facilmente e rapidamente, deve ser baseada nas seguintes indicações:

Manter uma boa hidratação

É fundamental que enquanto o cachorro estiver sofrendo do vírus e se medique, lhe seja dado um extra de hidratação, pois com os vômitos e as diarreias perdem muita água. Isto é simples através do soro intravenoso no hospital veterinário ou em casa com as bolsas de soro que o especialista deve proporcionar.

Além disso, deve oferecer-lhe água fresca com frequência mas em pouca quantidade, pois ao ter vômitos se beber muita água de repente podem ocorrer mais. Se não beber por si mesmo, terá de lhe dar água com uma seringa de xarope diretamente na boca, mas pouco de cada vez. Além disso, sempre que o veterinário considerar oportuno, podemos oferecer-lhe bebidas isotônicas.

Retirar o alimento

Durante as primeiras 24-48 horas é fundamental que o cachorro não coma alimento sólido de nenhum tipo, visto que é o momento no qual o vírus é mais violente e as diarreias e os vômitos são mais frequentes e graves. Evitando a comida durante estas horas facilitamos a recuperação do nosso amigo peludo.

Dieta macia

Quando o veterinário disser que já se pode incorporar algum alimento sólido, devemos começar por oferecer caldo de frango caseiro, sem condimentos nem sal e bem coado, ao nosso pet como se fosse água. Depois já pode ir adicionando pouco a pouco alguns alimentos de ingestão fácil como:

  • Mais caldo de frango caseiro
  • Água de arroz
  • Arroz branco
  • Pedaços de peito de frango
  • Alimento enlatado especial para cachorros em recuperação ou com problemas digestivos

Toda esta comida deve ser preparada sem sal e sem condimentos, visto que isto pioraria a saúde do nosso pet. Quando o veterinário considerar que o cão está recuperado poderá voltar a dar-lhe ração, mas nunca antes. Após a total recuperação do seu peludo deverá voltar a desinfetar a casa e todos os materiais e objetos com os quais entrou em contato.

Este artigo é meramente informativo, no umCOMO não temos capacidade de receitar nenhum tratamento veterinário nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Convidamos você a levar o seu pet ao veterinário caso este apresente qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Como saber se o meu cachorro tem parvovirose, recomendamos que entre na nossa categoria de Animais de estimação.

Conselhos
  • É imprescindível desinfetar corretar todos os materiais contaminados para favorecer o tratamento do seu cachorro.
Comentários (25)

Escrever comentário sobre Como saber se o meu cachorro tem parvovirose

O que lhe pareceu o artigo?
25 comentários
Janaina Monteiro
Qual a dieta pra filhote com sintomas de paravirose .
A sua avaliação:
nicoli
minha cachorrinha acordou meio jururu hoje, eu e minha mãe ficamos asustadas pq ela n e assim, ela é agitada, late em todo mundo, arranha a porta quando ta tempo de chuva ,etc... hoje que ela tinha eses motivos para chorar e latir ela ficou dentro de sua casinha chorando... fiquei com muito medo e vim procurar no google : COMO SABER SE SEU CÃO TEM PARMOVIROSE foi ai que eu achei este site muito muito bom
A sua avaliação:
Guilherme Pio Douglas
o meu cachorro ta obrando sangue com mau cheiro
Sara Viega (Editor de umComo)
Oi Guilherme! Descubra algumas das causas de sangue nas fezes do cachorro aqui: http://www.peritoanimal.com.br/sangue-nas-fezes-do-cao-o-que-pode-ser-20913.html É importante que vá com ele ao veterinário o quanto antes. Rápidas melhoras do seu cachorro!
A sua avaliação:
Andreia de Sousa
Gostaria de saber se a parvovirose e transmitida para humanos. .
Sara Viega (Editor de umComo)
Oi Andreia! O parvovírus não se contagia aos humanos, fique tranquila. Pode ficar sabendo mais sobre esta doença aqui: http://www.peritoanimal.com.br/a-parvovirose-canina-sintomas-e-tratamento-20011.html#transmissao-do-parvovirus
Sandra
Meu cachorro tá com suspeita de parvovirose te cura e pode dar leite ele não come nada
Cristina santos
Acho que o cachorro do meu filho morreu hoje de parvovirose mais fiquei em dúvida alguns sintomas e agora estou preocupa pois tenho outros
sandra
olá boa noite tenho vários gatos e meus gatos estão com estão com está doença já perdi 8 gatos com a parvovirose e um deles teve morte celebral e o coração ficou batendo por 48 horas e mas 3 já estão doentes tambem e eu não sei o que devo fazer já que não tenho condições de pagar um veterinario e estou vendo os meus filhotes morendo sem pode fazer nada quando eu era pequena eu cuidava dos cachorros de minha tia e de uma lapada eu vi os de minha tia morrerem assim e não foi só cão e os gatos da casa tambem .pensei que não ia mas ver está doença maldita estou lidano com ela de novo.
Maria julimar
Li tudo sobre Parvo nesse artigo de vcs porém não consigo detetar se meu chow chow tem esa doença, toda vez que ele come quase que imediatamente ele faz cocô diarréia. ..se puder aguardo resposta
andrea
meu filhote morreu de parvovirose achei o cumulo me mandarem de uma clinica para outra e me fazer gastar tudo novamente para depois de seis horas me falarem que o animal morreu o medico sabe mais o bolso conta mais que a vida do animal acabei gastando o dobro de uma consulta para ter uma morte absurdo????????
nicoli
isso tambem acontesseu comigo, exatamente a mesma historia
Gessi
Bom.dia, meu filho tinha um cadela que pegou parvovirose e eu tenho uma cadelinha poodlle que ainda e bebe ta com 3 meses, to morrendo dewdo que ela pegou o vorus, com quantos dias se manifesta a doença qiero ficar mais tranquil ja isolei ela todinha por favor me ajude

Como saber se o meu cachorro tem parvovirose
1 de 5
Como saber se o meu cachorro tem parvovirose