Partilhar

Sinais de desidratação no cachorro

Por Nídia do Carmo. Atualizado: 8 fevereiro 2017
Sinais de desidratação no cachorro

Assim como no corpo humano, cerca de 80% do corpo dos cachorros é composto por água. A falta de líquidos e eletrólitos pode provocar desidratação no seu pet, comprometendo o funcionamento regular das células do seu organismo. O calor excessivo ou a perda de líquidos em demasia (como vômitos ou diarreias) podem causar esse problema potencialmente fatal. Um caso de desidratação pode provocar a morte de um animal em pouco tempo, pelo que é importante saber reconhecer os sintomas do seu companheiro. Como um cão é significativamente menor que uma pessoa, a falta de hidratação é mais severa que a humana e pode matar em apenas algumas horas. Para saber identificar os sinais de desidratação no cachorro, continue lendo esse artigo do umComo e mantenha seu fiel amigo protegido.

Também lhe pode interessar: 7 sinais de que meu cachorro é feliz
Passos a seguir:
1

Os principais sinais de desidratação do cachorro incluem:

  • Olhos "afundados" e sem brilho natural;
  • Perda de energia e de movimento (o cachorro parece mais tristinho e se locomove mais lentamente);
  • Falta de apetite ou cessação do sistema alimentar;
  • Imobilidade (o cão não se move nem anda sozinho);
  • Aumento da frequência cardíaca;
  • Perda de elasticidade da pele;
  • Saliva espessa e pegajosa;
  • Nariz seco;
  • Língua e gengiva ressecada;
  • Desmaios ou convulsões (em casos mais graves).

Dica: Para analisar a elasticidade da pele do seu pet, dobre um pouco da pele da nuca e largue. Se voltar rapidamente ao normal, o mais provável é o cachorro estar bem. Se demorar um pouco a voltar ao normal ele pode estar bebendo pouca água.

Sinais de desidratação no cachorro - Passo 1
2

Para tratar a desidratação, comece por garantir que o seu companheiro tem água potável à sua disposição. A água deve ser trocada regularmente.

Se o animal está recusando tomar água ou tem diarreia, use as soluções de soro caseiras usadas com as crianças no seu cachorro. Coloque uma colher de sopa de açúcar e uma colher de chá de sal num copo de água, misture bem e ofereça para o cão. Se ele não tomar a solução, use uma seringa para inserir a água na boca dele. Água de coco também é uma opção. Administre o líquido em pequenas quantidades.

Não ofereça alimentos para o cachorro desidratado (nem ração úmida!).

Caso estes métodos não funcionem e a desidratação seja notória, leve o cachorro ao veterinário o mais rápido possível para que seja feita uma administração intravenosa ou subcutânea de soro.

Sinais de desidratação no cachorro - Passo 2
3

Se o seu cachorro está apresentando sintomas de falta de líquidos, é importante saber identificar a causa do problema. As causas da desidratação mais comuns incluem:

  • Exposição a calor forte;
  • Falta de acesso a água;
  • Diarreias;
  • Vômitos;
  • Hipotermia;
  • Febre;
  • Doenças como diabetes ou insuficiência renal.
Sinais de desidratação no cachorro - Passo 3
4

Agora que conhece os sinais de desidratação no cachorro, acesse esse artigos com informação sobre cuidados caninos para manter seu pet feliz e saudável:

Se pretende ler mais artigos parecidos a Sinais de desidratação no cachorro, recomendamos que entre na nossa categoria de Animais de estimação.

Escrever comentário sobre Sinais de desidratação no cachorro

O que lhe pareceu o artigo?

Sinais de desidratação no cachorro
1 de 4
Sinais de desidratação no cachorro

Voltar ao topo da página