Partilhar

Como cuidar de um gato angorá

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como cuidar de um gato angorá

Um dos animais mais enigmáticos e nobres é o gato. Considerado por muitos o melhor amigo, ganha o coração de todos graças a essa grande personalidade que possui até chegar a se converter nos olhos de seus donos. Possui uma grande beleza e, no caso dos angorás, um pelo longo e volumoso que requer certos cuidados por parte do seu dono, além dos cuidados normais que todo o pet deve ter.

Se o seu gato é angorá ou pensa em adotar um filhote desta raça em breve, continue lendo. Em umComo contamos a você como cuidar de um gato angorá e muitos de nossos conselhos serão válidos também para gatos de outras raças.

Também lhe pode interessar: Como é um gato angorá

Peso do gato angorá

Um gato angorá pode chegar a pesar até 4 quilos e meio na idade adulta, especialmente os machos; as fêmeas pesarão entre 3 e 4 quilos. Se você tem um gato angorá em casa, proporcione-lhe alimentos que cuidem do seu peso já que a agilidade dos gatos poderia ser afetada, especialmente naqueles que vivem em apartamentos pequenos. Terão pouco espaço para se mover, saltar ou se exercitar, por isso se não controla as quantidades de comida recomendadas para a sua idade, o peso poderia ser afetado, provocando obesidade nos mesmos. Evite dar de sua comida, especialmente se for gordurosa ou se tiver açúcar.

Pelagem

O pelo do gato angorá é uma de suas maiores características, e proporciona ao gato a temperatura adequada especialmente no inverno; por isso cuidar do mesmo proporcionará bem-estar ao seu pet. Por ser tão abundante, temos que ter especial cuidado e escová-lo diariamente com pentes especiais para este tipo de pelagem.

Pentear o seu angorá não só evitará os nós que podem se formar, como também limpará o seu pelo e protegerá o seu gato de engolir os pelos cada vez que se asseie ou, pelo menos, não engolir tanto pelo. Tirar o excesso de pelo com a escovação evitará as bolas de pelo que costumam se formar em suas barriguinhas.

A saúde do seu gato

Deve ter em conta que há certos fatores imprescindíveis na vida de seus pets. É como ter um bebê, requer vacinas e visitas ao veterinário constantes para controlar a sua agenda de cuidados. As primeiras vacinas que deverá ter serão a tripla, a antileucêmica felina, a antirrábica e uma boa desparasitação (especialmente durante as primeiras semanas de vida). No caso de inquilinos não desejados como as pulgas, existem métodos para eliminá-las como sprays, gotas ou tratamentos específicos que deve consultar o veterinário antes de usar; isto para evitar que ao se lamber (um de seus "passatempos" favoritos) ingira algum produto deste tipo.

Como cuidar de um gato angorá - A saúde do seu gato

Amor

Muito ao contrário do que se pensa dos gatos, os angorás são pets ideais para ter em família, são muito pacientes com as crianças de casa e muito afetuosos. Como todo gato, vai querer ter toda a sua atenção e ser o rei da casa, mas é muito importante sobretudo a parte afetiva. Se o gato ainda é filhote, não mostrará muitas de suas emoções, mas se for adotado na idade adulta, valorizará muito uma segunda oportunidade e sabe apreciar os seus novos donos, se mostrando surpreendentemente apegados.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como cuidar de um gato angorá, recomendamos que entre na nossa categoria de Animais de estimação.

Conselhos
  • Tenha paciência com seu gato. Deve ter em conta que são diferentes dos cães, não perseguirão uma bola (ou não as vezes que você quiser) e demonstrarão o seu afeto com particularidade.
  • Adquira acessórios que são super úteis para a sua vida. Tenham a idade que tiverem, alguns objetos são imprescindíveis: o raspador de unhas, a escova de pelos, a pelota, a sua caixa de areia, etc.
  • Tempo. Dedique tempo ao seu felino, você se apaixonará completamente.

Escrever comentário sobre Como cuidar de um gato angorá

O que lhe pareceu o artigo?

Como cuidar de um gato angorá
1 de 2
Como cuidar de um gato angorá

Voltar ao topo da página