Partilhar

Como cuidar de um cão cego

Como cuidar de um cão cego
Imagem: pixabay.com

Cuidar de um cão cego é uma tarefa muito simples se soubermos os aspectos que devemos ter em conta. O passar do tempo também afeta nossos mascotes e um dos primeiros sinais da idade em cães costuma ser a perda de visão. Além disso, o aparecimento de determinadas doenças pode desenvolver uma cegueira repentina, progressiva, temporária ou permanente. Se o seu cão está perdendo ou perdeu a visão e você não sabe o que fazer para manter sua qualidade de vida, continue lendo este artigo de umComo e descubra como cuidar de um cão cego.

Também lhe pode interessar: Como saber se meu cachorro está cego
Passos a seguir:
1

A primeira coisa que deve aprender para cuidar de um cão cego é que a perda da visão não implica que seu cão tenha perdido a capacidade de continuar vivendo por si mesmo. O que isso significa? Que não deve superprotegê-lo já que desta maneira transmitirá ao seu mascote o medo e insegurança que você sente. Os animais não são conscientes de seu novo estado, simplesmente se adaptam e aprendem a desenvolver ainda mais o resto dos sentidos para sobreviver.

Como cuidar de um cão cego - Passo 1
Imagem: blogs.tn.com.ar
2

Por conseguinte, não é aconselhável que realize uma reestruturação do lar nem mude suas coisas de lugar, pois em vez de tornar a vida mais fácil para ele, estaremos desorientando-o. Pense que os cães se guiam pelo olfato mais do que pela visão, por isso, seu cão encontrará o caminho a seguir em função do cheiro. Sua cama, sua vasilha, os móveis, etc., desprendem um cheiro característico relacionado com esses objetos que ele tem interiorizado desde filhote. Se tiver elementos decorativos ou qualquer outro artigo com ponta, que possa machucá-lo, coloque em outro lado, onde ele não tenha acesso.

3

Neste sentido, não se assuste se no princípio ele se chocar com os móveis da casa, portas e paredes, é normal. O que deve fazer é tentar manter uma verdadeira ordem. Os cães precisam de uma estabilidade e quando perdem a visão precisam dela ainda mais, de maneira que para cuidar de seu cão cego é imprescindível que tudo se mantenha sempre no mesmo lugar, sobretudo sua cama e vasilhas de comida e água.

4

Se em sua casa você tem escadas, deverá tê-la devidamente protegida para evitar que caia. Por conseguinte, é fundamental que coloque uma barreira lateral à altura de seu cão. Ainda que a princípio custe um pouco para ele subir os degraus, deve deixar que ele resolva sozinho essa situação, com o tempo se acostumará e subirá sem problemas. Se o que acontece é que, pela perda da visão, o seu cão tem medo de subir ou descer de escada, você deve motivá-lo a fazê-lo com prêmios, comida ou brinquedos.

Como cuidar de um cão cego - Passo 4
Imagem: animalmascota.com
5

Sobretudo durante as primeiras semanas, pode ser que seu cão cego se desoriente dentro de casa. Não se preocupe, é normal. O que deve fazer nestes casos é fixar um ponto de referência, como sua cama ou vasilha de comida, e levá-los até ele. Desta forma seu cão interpretará que esse determinado objeto é seu ponto de partida e saberá em que lugar do lar se encontra para retomar seu caminho. É por isso que é fundamental que esteja sempre tudo no mesmo lugar.

6

Dentre os cuidados para um cão cego também estão as horas de brincadeira. Neste ponto, deverá trocar seus brinquedos por outros que desprendam um som real, como por exemplo, um chocalho em seu interior. Desta forma, ao lançá-los, seu cão seguirá o ruído e saberá onde procurá-los. Brinque com ele como de costume, não lhe facilite a tarefa de procurar e trazer a bola, lembre-se de que não deve superprotegê-lo.

7

Não modifique os tempos de passeios nem espaços, pois ele continua precisando de fazer exercício. Também utilize sempre correia, para ele será bem mais fácil seguir você. Dessa forma, lembre-se de que os brinquedos devem ser sonoros. Durante os passeios, é possível que seu cão cego agora pare mais que antes a cheirar, tanto o solo como outros cães, deixe que leve o seu tempo. Pense que ao perder a vista ele desenvolveu ainda mais este sentido e precisa explorá-lo.

Como cuidar de um cão cego - Passo 7
Imagem: animalfiel.es
8

Quanto à alimentação, deve ser a mesma. Se notar que perdeu ligeiramente o apetite ou deixou de comer, o que deverá fazer é potencializar o cheiro e sabor para atraí-lo para a comida. Consulte nosso artigo sobre o que fazer se meu cão não quer comer, que pode ser aplicado perfeitamente aos cães cegos.

9

Por último, um truque muito eficiente para que seu cão cego saiba o que fazer em caso de se perder na rua ou se encontrar em um espaço que lhe seja desconhecido é ensinar-lhe a seguir você. Simplesmente faça passos ruidosos para captar sua atenção e fazer com que vá para você, desta forma aprenderá a relacionar o som dos passos com a presença de humanos e saberá para onde ir. Para cuidar de um cão cego só precisa ter um pouco de paciência no início, lhe ensinar estas novas habilidades e, sobretudo, aprender que ele continua tendo a mesma capacidade de antes. Lembre-se de que ele não é consciente disso e se adaptará rapidamente.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como cuidar de um cão cego, recomendamos que entre na nossa categoria de Animais de estimação.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
23 comentários
neusa almeida
estou realmente assustada e sem saber o que fazer.teve coonvulsao e depois e que houve isso com a visao.mas o veterinario deu gardenal e um outro remedio e ele estava vendo mas turvo.mas ontem teve nao consulvao mas um sono e tremedeira.passei a noite a observar. ele tem 13 anos e um salsicha.mas hoje acordei com ele pior e voltei ao veter.porque pelo jeito tinha dores.enfim mas ja sem a visao.fui ao veter.e realmente tinha dor. dus duas injeçoes e sem ver realmente. e mais um medicamento para dar em 12 em12 horas. antiinflamatorio.enfim coloquei a guia e esotu andando com ele o tempo todo.e desesperada por nao saber como que vou fazer daqui pra frente.pensei que realmente iria perder ele hoje. tambem toma remedio para o coração enfim e isso me minha pergunta.ele dorme dentro de casa. e no sofa.ja comprei uma caminha e coloquei no chao mas ele nao quer saber no chao e somente andar e bater em tudo.me de uma luz por favor nao posso parar minha vida.tenho trabalho cuidar da casa enfim e trabalho, no comp.por favor me ajude.amo meu pequeno chocolate.espero retorno. a minha avalição e 10 obrigado por tudo e aguardo um retorno. boa trde.
Editor umComo.com.br
Oi Neusa! Você já experimentou as dicas do artigo? Não esqueça de seguir as indicações do veterinário pois apenas ele pode fazer um diagnóstico correto. Rápidas melhoras para o seu cachorrinho!
Simone Borges
Minha cachorrinha Nina,após fazer 12 anos ficou epilética tem que tomar a cada 12hs o gardenal medicação......e agora esta cega..e esta muito triste só dorme e não come mais ....e fica olhando para o nada por muitas hras...........todos da familia estamos muito tristes,levei ao veterinário ele falou que é assim mesmo................
A sua avaliação:
RITA DE CASSIA RANGEL LIMA RANGEL
Eu tenho um cão cego, fiquei muito triste com essa situação ele era muito alegre e levado hoje ele fica muito calmo tenho medo de levar ele p/ passear pq levei e ele machucou a vista fiquei mt nervosa as vezes eu não aceito choro muito com ele ele é o meu grande amigo. Quando eu ganhei ele eu estar muito triste com a perda da mh mãe ele me pré enchei é muito dificíl aceitar essa situação com meu amigo mas deus sabe o que faz .
onofro Mariano da silva
Rita tenho um cão cego, ele tem 12 anos, os passeios com eles deve ser feito com cuidado para que eles não batam o cara em nada, pois já que não enxergam estão com os olhos sempre abertos e sem nenhum reflexo quando há alguma coisa que vá penetrar em seus olhos, traga ele sempre na corrente bem próximo ao corpo, vc deve guia-lo para evitar se machucar.
A sua avaliação:
Anelidia
Adorei o artigo, realmente me ajudou muito! Tenho uma pergunta: meu pincher tem 13 anos e perdeu a visão devido a um glaucoma! Tenho notado que o olfato dele parece estar diminuído, ele não percebe qdo coloco por exemplo um petisco perto do nariz dele. Estou muito preocupada com isso.
Redação umCOMO (Editor/a de umCOMO)
Oi Anelidia! Que bom saber que o artigo foi do seu agrado! Pode encontrar algumas dicas para estimular o olfato do seu amiguinho aqui: http://animais.umcomo.com.br/artigo/como-estimular-o-olfato-no-cao-22473.html
A sua avaliação:
Jose Fernandes Junior
Muito interessante esse artigo, especialmente para pessoas, como eu, que está vivendo a experiência pela primeira vez. Muito obrigado pelos esclarecimentos e parabéns
Redação umCOMO (Editor/a de umCOMO)
Oi Jose! Que bom saber que as informações foram úteis para você! Muito obrigada pelo seu comentário e boa sorte para esta nova fase :)
A sua avaliação:
Jose Fernandes Junior
Foram comentários muito úteis para quem (como eu) está começando a viver o problema. Tenho visto na internet uma espécie de colar que sai de uma coleira peitoral e fica a frente da cabeça para evitar que o bichinho bata nos obstáculos. Isso funciona ?
A sua avaliação:
Roberto Macedo
Excelente matéria. Meu cachorro poodle foi perdendo a visão até ficar completamente cego. A informação que ele vai se adaptar e vai aperfeiçoar os demais sentidos foi muito importante e me tranquilizou. Gostei de saber que ele irá se guiar muito pelo olfato. Eu quero muito que ele tenha uma boa qualidade de vida na velhice, pois ele merece. Eu e minha esposa estamos mais confiantes agora.
Redação umCOMO (Editor/a de umCOMO)
Oi Roberto! Que bom saber que a matéria foi útil para você. Uma vez que o cachorro fica cego, ele começa a se guiar pelos outros sentidos, como o olfato. Obrigada pelo seu comentário!
A sua avaliação:
Marlete
Obrigada por esse artigo, me ajudou muito com minha cachorra, a Mina, que é uma Box misturada com Rottweiller . Ela está com 13 anos e está apresentando os sintomas da velhice, agora ficou cega. Fiquei aliviada em poder lidar com essa situação.
Redação umCOMO (Editor/a de umCOMO)
Oi Marlete! Que bom saber que essas informações foram de ajudar para você! Muito obrigada pelo seu comentário e muita força nesse caminho :)
Milena Mello
Boa tarde, este artigo me ajudou muito, pois a cachorrinha da minha mãe perdeu a visão da noite para o dia, e esta muito difícil para nós e principalmente para ela nos adaptarmos a esta nova condição, Choramos muito. Mas estamos nos conformando. Só uma questão com o tempo ela voltará a ser uma cachorrinha alegre e brincalhona, pois ela anda muito amuada e ela era muito alegre e brincalhona. Obrigada.
Raquel
Minha cachorrinha ficou perdeu toda a visão há 5 dias, e ler esse artigo me deu mais coragem de enfrentar essa situação!
Redação umCOMO (Editor/a de umCOMO)
Oi Raquel! Que bom saber isso, força para enfrentar isso! Você vai conseguir :)

Como cuidar de um cão cego
Imagem: pixabay.com
Imagem: blogs.tn.com.ar
Imagem: animalmascota.com
Imagem: animalfiel.es
1 de 4
Como cuidar de um cão cego

Voltar ao topo da página