Partilhar

Quais são as doenças mais comuns nos gatos domésticos

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Quais são as doenças mais comuns nos gatos domésticos

Se você escolheu um gato como animal de estimação, com certeza quer saber tudo sobre os seus cuidados e a sua higiene, como brincar com ele, entre muitas outras coisas. Mas, você sabe quais podem ser as doenças que o seu gato pode ter? Assim como as pessoas, o seu gato pode ficar doente. Apesar de estarem vacinados e de cuidar muito bem deles, eles podem pegar doenças que devem ser tratadas e é bom conhecê-las para poder procurar a ajuda de um veterinário caso seja necessário. Por isso, em umComo.com.br queremos explicar a você quais são as doenças mais comuns nos gatos domésticos.

Alergia

Assim como as pessoas sofrem com alergias em algumas estações do ano, os gatos também podem sofrer diferentes tipos de alergias. Os sintomas podem ser:

  • Respiratórios: espirros, tosse, mucosidade e dificuldade respiratória.
  • Cutâneos: coceira intensa e persistente, olhos lacrimejando.

Se você acha que seu gato pode estar sofrendo de uma alergia, primeiro você deve descobrir o que é que está causando este transtorno para poder eliminá-lo.

Broncopneumonia

Outra das doenças mais comuns nos gatos domésticos é a broncopneumonia, uma doença que consiste em uma inflamação dos brônquios e alvéolos pulmonares. É produzida pela infecção de um vírus fazendo com que o seu gato fique com os olhos lacrimejando, mucosidade abundante, tosse e inclusive úlceras na boca.

Quais são as doenças mais comuns nos gatos domésticos - Broncopneumonia

Gripe

Embora o seu gato tenha sido vacinado pode contagiar-se com o vírus da gripe, outra das doenças comuns dos gatos. Saberá rapidamente se o seu gato tem gripe porque verá sintomas como:

  • Olhos lacrimejantes
  • Tosse e espirros constantes
  • Percebe que tem o nariz congestionado e mucosidade

Se acredita que o seu gato foi contagiado com a gripe, o mais recomendável é levá-lo ao veterinário para que o trate com antibióticos específicos e aptos para a raça do seu gato. Em umComo damos-lhe algumas dicas para que saiba como tratar o resfriado nos gatos.

Conjuntivite

Outra das doenças comuns dos gatos domésticos é a conjuntivite. Tal como os humanos, os gatos também podem sofrer desta doença na zona dos olhos que pode se tornar muito incômodo na visão e na sua saúde.

Pode determinar se o seu gato tem conjuntivite observando a aparência dos seus olhos: se vir que tem secreção, que lacrimeja em abundância, que tem os olhos vermelhos ou as pálpebras inchadas, isso são sintomas da conjuntivite nos gatos.

Em umComo contamos-lhe tudo o que precisa saber sobre como saber se o seu gato tem conjuntivite e como tratar a conjuntivite do seu gato.

Quais são as doenças mais comuns nos gatos domésticos - Conjuntivite

Cataratas

As cataratas nos gatos podem ser congênitas ou adquiridas, mas seja ela qual for, você verá rápido se o seu gato sofre disso porque poderá ver nos seus olhos que o interior da pupila é de cor branca. Além disso, se o seu gato começar a ter movimentos estranhos ou bater contra os móveis, leve-o ao veterinário para fazer um acompanhamento.

Também pode ser que, devido às cataratas, o seu gato tenha menos visão ou, inclusive, tenha desenvolvido cegueira. Poderá detetá-lo se notar que o animal está desorientado, se se coça muito nos olhos ou se não reage à luz. Em umComo damos-lhe alguns conselhos para saber se o seu gato é cego.

Problemas gastrointestinais

Normalmente são os gatos mais novos que podem sofrer de problemas deste tipo. Podem aparecer por causa de um vírus, parasita, infecção bacteriana ou porque seu gato comeu algum alimento estragado. Os sintomas que seu gato apresentaria são: vômitos, diarreias, dor abdominal, perda de apetite, fraqueza ou apatia. Se seu gato tiver estes sintomas vá urgentemente ao veterinário porque ele pode se desidratar rápido e colocar sua vida em risco.

Quais são as doenças mais comuns nos gatos domésticos - Problemas gastrointestinais

Otite

A otite é outra das doenças mais comuns dos gatos domésticos e é uma doença que produz a inflamação do conduto auditivo e é muito dolorosa. Além disso, a otite nos gatos pode ter consequências muito graves como a perfuração do tímpano.

Pode ocorrer devido à presença de parasitas como ácaros, fungos ou bactérias. Se observar que o seu gato tem uma secreção marrom nas orelhas, leve-o de imediato ao veterinário.

Cuidar de um gato

Estas são algumas das doenças mais comuns que pode encontrar em um gato doméstico que não sai à rua. Se observar em seu gato estes sintomas ou outros diferentes, não hesite em ir ao veterinário para que ele examine o seu gato e lhe prescreva um tratamento para recuperar o bem-estar do animal.

Para poder evitar que o seu gato apresente alguma destas doenças comuns, é imprescindível que tenha em conta os cuidados específicos que precisa o seu animal de estimação. Deve aumentar a precaução nos aspetos básicos da vida do gato como a sua alimentação, o cuidado do seu pelo, a higiene dos seus dentes e ter em conta que há estações no gato nas quais o animal tem mais riscos de contrair doenças, por isso, em umComo ajudamos-lhe para que saiba como cuidar de um gato no inverno e no verão.

Quais são as doenças mais comuns nos gatos domésticos - Cuidar de um gato

Se pretende ler mais artigos parecidos a Quais são as doenças mais comuns nos gatos domésticos, recomendamos que entre na nossa categoria de Animais de estimação.

Escrever comentário sobre Quais são as doenças mais comuns nos gatos domésticos

O que lhe pareceu o artigo?
28 comentários
Barbara
Ola, minha gatinha tem 7 meses e deixei ela brincar cm um gato que estava com secreção nos olhos e mostrava problemas respiratórios. Logo depois disso ela ficou com secreções nos olhos, bem no cantinho. Estou apavorada.
Editor umComo.com.br
Oi Barbara! A conjuntivite é um sintoma de diferentes doenças. Se a sua gatinha esteve em contato com um gato possivelmente infectado, pode ter existido contágio. É importante que você leve a sua gata assim que possível ao médico veterinário para tratarem a conjuntivite e fazerem testes para garantir que não tem nenhuma doença.
laryssa
meu gato começou com difilcudades para urinar ele ia em varios lugares urinar na mesma hora parecia q n fazia nada sabe depois disso começou a perde peso e se afastou de mim e parou de tomar agua e comer depois os olhos dele começo a fikar lacrimejado e com remela agr ele quase nem levanta ta com a respiraçao mt forte como se tivesse dificil pra respirar e com o coração acelerado demais queria saber se alguem ja passou por isso queria mt levar ele num veterinario mais n tenhu condições ;(
Editor umComo.com.br
Oi! Lamentamos muito o que está passando com o seu gato. Tendo em conta o que você descreve parece que o seu gato pode ter começado por uma infecção renal e neste momento tem também uma infecção respiratória. De qualquer forma, os sinais clínicos que ele apresenta podem ter origem em diferentes doenças e caso seja infecções bacterianas, diferentes bactérias precisam de diferentes antibióticos. De qualquer modo, o diagnóstico de um veterinário é absolutamente essencial no caso do seu gato e também um tratamento prescrito por um veterinário de acordo com os problemas diagnosticados. Uma vez que o que descreve é uma situação já bastante grave, é importante que ele seja visto o quanto antes por um veterinário. O que aconselhamos é que procure veterinários da sua zona e explique a situação econômica em que você se encontra. Muitos veterinários têm protocolos especiais para casos de necessidades econômicas, assim como opções de pagamentos a prestações. Outra opção é contactar associações de animais da sua zona e pedir ajuda para angariar fundos e as próprias associações têm preços especiais nas clínicas veterinárias com as quais fazem parcerias. A terceira opção é angariar fundos junto de amigos, familiares, vizinhos e até mesmo nas redes sociais. O mais importante neste momento é que o seu gatinho seja visto por um médico veterinário pois é a única forma que ele tem de melhorar! Desejamos que tudo corra bem e as rápidas melhoras dele!
A sua avaliação:
Nayara
Bom dia! Minha gatinha está com um olhinho lacrimejando há algum tempo. Cerca de um mês atrás ela começou a lacrimejar, aí eu a levei em um veterinário que constatou uma conjuntivite, infecção e iniciou o tratamento que seriam três injeções e três aplicações de colirio. Porém, ela reagiu muito mal à injeção (ficou com o coracão acelerado, ofegante e desorientada). Com isso, as injeções foram suspensas e foi passado um colirio pra eu mesma aplicar três vezes ao dia durante cinco dias. Feito isso, ela melhorou. Passados uns cinco dias, voltou a lacrimejar. Levei ela em outrà veterinária, que disse que poderia ser machucado ou alergia e iniciamos o tratamento com outro colirio 4 vezes ao dia por 10 dias. Não resolveu nada. Iniciamos agora um tratamento com antialérgico (11 dias) + enrofloxacina (6 dias). Já estou entrando no quarto dia do antialérgico e terceiro dia da enrofloxacina e continua lacrimejando. Ressalto que é uma lágrima limpa, sem nenhuma secreção. Não sei mais o que fazer. Me ajude.
Sara Viega (Editor/a de umCOMO)
Oi Nayara! Neste artigo poderá encontrar várias recomendações para a conjuntivite felina: https://www.peritoanimal.com.br/a-conjuntivite-em-gatos-causas-e-sintomas-20118.html#anchor_4 Espero que seja de ajuda e as melhoras do seu felino!
A sua avaliação:
dina
gostaria de obter uma informação sobre fungos segundo resultado de um exame realizado( trichophyton SP. ), bem antes do resultado tomou varias medicações amoxilina, anti inflamatório Baytril, AZIUM DEPOIS VEIO A CONFIRMAÇÃO, TUDO COMEÇOU COM UM PEQUENO FERIMENTO NA ORELHA FOI SE AGRAVANDO, QUE LEVOU A UM CORTE POR PESSOAS INCOMPETENTE SEPARANDO AS CARTILAGEM,qual a medicação exata p/ fungos ? ( GRISEOFULVINA 190MG) SERÁ QUE VAI TER ALGUM RESULTADO ??? ESSE FOI RECEITUADO PELA VETERINARIA,MAS COM TANTO GASTO JA TOU PERDENDO AS ESPERANÇAS
Barbara
se nao for infeccao sistemica, tente o oleo de tea tree/ Malaleuca artnefolia, é fungicida e bactericida. usei para um caso de malassezia e foi otimo! voce encontrara em lojas de produtos naturais como mundo verde ou ate em algumas farmacias de manipulacao, como a Flora
A sua avaliação:
helena
minha gata tem 11 anos e parou de comer está definhando
Matheus
Oi, eu preciso de ajuda. Há alguns dias minha gata estava com o olho esquerdo fechado e lacrimejando, eu pensei que poderia ter sido por conta de um briga, já que ela sai muito de casa. Mas de uns dias pra cá ela começou a lacrimejar dos dois olhos e começou a perder pelo na pálpebra do olho direito, não sei se poder ser de tanto passar a pata, porque ela se lambe demais, ela aparenta mais parada que de costume e sempre que eu vou levantar ela pela barriga ela mia, mas não um miado de carinho, é mais pra um de incômodo, ela está diferente do que era antes, estou preocupado. Ainda mais agora que fui demitido e não tenho como pagar um tratamento pra ela, por favor me ajudem.
rose
meu gato foi encontrado na rua ,ele começou a lacrimejar os olho algo que parece sangue estou usando um colirio ,mas estou preocupada
mareslaura
tenho um gata que ja tem nove ano. olhos dela estão lacrimejando muito. ela não esta espirrando e nem tossindo. agora esta lacrimejando muito
Fernanda
Bom Dia! Tenho um gatinho, ele está ramelando nos dois olhos, tanto que de manhã não consegue abrir, aí tenho que umedecer um papel ou paninho para limpar os olhinhos dele. O narizinho também está com secreções. Ele não quer comer e por isso está muito debilitado. Já fiz de tudo para ele comer, mas não adianta. O que posso fazer por ele?
Sara Viega (Editor/a de umCOMO)
Oi Fernanda, eu sugeria que levasse o seu gato ao veterinário para que este possa realizar um diagnóstico apropriado e, por conseguinte, indique o tratamento a seguir.
paula
ola boa tarde tenho um gatinho e ele sempre come rãzinhas e pdepois fica com os olhos lacrimejando tipo uma secreção avermelhada como posso tratar??

Quais são as doenças mais comuns nos gatos domésticos
1 de 5
Quais são as doenças mais comuns nos gatos domésticos

Voltar ao topo da página